A ALIMENTAÇÃO NA GESTAÇÃO - Brasil

La alimentación de la perra gestante
Es importante mantener a la futura mamá sana durante la gestación.

 

A ALIMENTAÇÃO NA GESTAÇÃO

A chegada dos filhotes será muito emocionante e cansativa, tanto para a sua cadela como para você. Embora seja maravilhoso receber adoráveis bolinhas de pelo em casa, para a nova mamãe será um trabalho difícil: gestar, dar à luz e cuidar de uma ninhada travessa.

 

Portanto, é muito importante que você tenha certeza de que seu alimento contém todos os nutrientes que ela precisa. Comer corretamente irá garantir que tanto a mamãe quanto seus filhotes estejam saudáveis ​​e felizes.

 

Embora a comida formulada para adultos seja ótima para sua dieta habitual, durante a gestação você precisará de um suprimento adicional de nutrientes, especialmente se estiver esperando uma ninhada grande.

 

As futuras mamães precisam de mais energia e proteína, ambos presentes em um alimento de boa qualidade. Alimentando sua cadela com uma fórmula para filhotes, ela terá o apoio nutricional que precisa durante e após a gestação.

 

A condição física da sua cadela (e qualquer outro problema médico) pode influenciar suas necessidades nutricionais durante a gestação. Você pode aprender mais sobre o estado geral dela com a nossa ferramenta de fitness.

 

POR QUE DEVO ALIMENTAR MINHA CADELA COM COMIDA DE FILHOTE DURANTE A GESTAÇÃO?

Os alimentos para filhotes são mais ricos em nutrientes fundamentais e fornecem mais energia do que os alimentos formulados para adultos. Além disso, é mais fácil de digerir. É importante manter tudo isso em mente ao alimentar cadelas prenhas.

 

Alimentando sua cadela com uma fórmula para filhotes a partir da 3ª ou 4ª semana de gestação vai ajudá-la a ficar forte e passar nutrientes para seus filhotes através do leite materno.

 

Você deve introduzir gradualmente o novo alimento em sua dieta, para dar tempo de o sistema digestivo se adaptar. Comece introduzindo o alimento para filhotes em sua fórmula usual, um pouco de cada vez, por cerca de uma semana, até que você tenha substituído completamente uma refeição por outra.

 

Tenha em mente o porte e as preferências da sua cadela ao escolher o alimento para filhotes que você lhe dará.

 

Por porção, a comida seca contém mais calorias do que comida úmida. Portanto, se a dieta da sua cadela consiste apenas em comida úmida, você terá que alimentá-la mais vezes (ou porções maiores) para ter certeza de que ela obtenha a energia extra que precisa, especialmente se é uma raça de grande porte. Você também pode tentar misturar a comida úmida com um pouco de comida seca para obter o melhor de ambas.

 

Certifique-se de que ela tenha sempre acesso fácil a água potável limpa e fresca para mantê-la hidratada, especialmente se você for usar uma fórmula de alimento seco durante a gestação.

 

QUE QUANTIDADE DE ALIMENTO DEVO DAR A UMA CADELA GESTANTE?

Na alimentação de cadelas gestantes, mantenha o tamanho usual de porção durante as primeiras semanas de gestação. Durante estas fases iniciais, a sua cadela pode se afastar da comida ou sofrer pequenas náuseas, semelhante aos "vômitos da gravidez humana". Embora pareça preocupante, não é: é um processo completamente normal. No entanto, se você está preocupado com a perda de apetite da sua cadela ou se ela continua com desconforto, leve-a ao veterinário.

 

Comece a aumentar sua ingestão alimentar, pouco a pouco, a partir da quinta semana de gestação. Aumente o tamanho da porção um pouco a cada semana, de modo que, na nona semana, o tamanho da porção seja cerca de um terço maior do que o normal. Até lá, o peso da mãe terá aumentado cerca de 25%, ou até mais, se ela estiver esperando uma ninhada grande.

 

Meça e controle as porções para evitar que ela coma demais e desenvolva obesidade, pois isso causaria problemas durante a gestação e o parto. Se você está preocupado com o peso do seu animal de estimação durante a gestação, consulte o seu veterinário.

 

É melhor alimentar sua cadela prenha com porções pequenas e frequentes nas últimas fases da gestação, já que uma barriga cheia de filhotes não terá muito espaço para alimentos.

 

Se a cadela não estiver comendo tanto alimento, você pode deixar que ela o consuma de forma livre a partir da sexta semana de gestação, sem o risco de que ela se sobrealimente, já que sua barriga vai crescer e ela não vai conseguir comer muito.

 

QUE QUANTIDADE DE ALIMENTO DEVO DAR A UMA CADELA DURANTE O PERÍODO DE AMAMENTAÇÃO?

Alimentar a ninhada recém-nascida é um trabalho árduo para a mamãe, pois seus filhotes precisam de muito leite materno nutritivo para crescerem fortes e saudáveis. De fato, você sabia que as cadelas produzem mais leite para seus filhotes do que as mulheres para nossos bebês?

 

Para ajudá-la a obter a energia extra que precisa para amamentar sua ninhada faminta, continue a alimentá-la com a fórmula para filhotes que ela começou a comer durante a gestação. Seu maior conteúdo calórico e os nutrientes adicionados fornecerão resistência e ajudarão a que ela produza leite de alta qualidade para seus filhotes.

 

Durante as semanas 1-3 da amamentação, aumente as refeições diárias da sua cadela de duas para três vezes. Na quarta semana (quando a produção de leite atinge sua fase máxima), suba para quatro o número de refeições por dia. O tamanho da porção de cada uma dessas refeições deve aumentar da seguinte maneira durante a amamentação:

 

Primeira semana: 150% da porção habitual

Segunda semana: 200% da porção habitual

Terceira semana: 300% da porção habitual

A quantidade e a frequência das refeições da sua cadela durante a amamentação dependerão da sua raça e do tamanho da ninhada. Se ela estiver alimentando uma ninhada de mais de quatro filhotes, precisará de tanta energia que pode ser melhor permitir o acesso constante à comida.

 

As novas mamães amamentarão suas ninhadas por cerca de 6 a 8 semanas, mas os filhotes podem começar a provar alimentos sólidos a partir da 3ª ou 4 ª semana de idade. À medida que os filhotes se tornam desmamados, reduza gradualmente a ingestão de alimentos da mamãe até alcançar novamente a quantidade pré-gestacional.

 

Se você tiver dúvidas sobre a alimentação neste estágio importante, converse com seu veterinário sobre alimentar sua cadela prenha durante todas as fases da gestação e da lactação.

 

No final da amamentação, lembre-se de que é importante que a cadela volte a comer o alimento de manutenção assim que recupere sua condição corporal ideal.